Topo
Ageless

Ageless

Categorias

Histórico

Poderosa antioxidante, cúrcuma pode te ajudar a viver mais e com mais saúde

Silvia Ruiz

31/05/2019 04h00

Crédito: iStock

Nos últimos quatro mil anos ela esteve nas panelas da Índia como o principal ingrediente do curry. Mais recentemente, a cúrcuma (mais conhecida como açafrão da terra) está migrando das cozinhas da Ásia para o armário de medicamentos mundo afora. Mostrei esta semana no Instagram (me siga lá também @silviaruizmanga) um shot matinal que leva cúrcuma (receita abaixo) e recebi várias mensagens: para que serve? Como consumir? Funciona?  Vamos lá:

A medicina tradicional chinesa e a Ayurvedica usam a cúrcuma como anti-inflamatório e no tratamento de feridas há milhares de anos. Mas recentemente a comunidade científica começou a mostrar interesse nas qualidades medicinais da raiz, que é parente do gengibre, e muitos estudos começaram a ser feitos. A principal linha de pesquisa é com o ativo curcumina, que está sendo avaliado como potencial medicamento para condições tão variadas que vão de câncer à doença de Alzheimer passando por doenças cardiovasculares. Ou seja, uma série de benefícios que atingem em cheio quem já passou dos 40. "A cúrcuma como um modulador inflamatório pode ter um papel importante na longevidade", diz Vânia Assaly, endocrinologista e nutróloga e especialista em medicina preventiva.

O dano oxidativo é um dos maiores responsáveis pelo envelhecimento e por várias doenças. Já falei sobre os tais radicais livres que temos de sobra no nosso corpo devido ao nosso estilo de vida moderno. E a curcumina é um potente antioxidante que pode neutralizar esses radicais livres, além de ativar as próprias enzimas antioxidantes do nosso corpo. "Ou seja, ele tem uma dupla ação contra radicais livres, por isso é tão antioxidante", diz Ana Maria Murbach, nutricionista pós-graduada em medicina integrativa. "Geralmente utilizamos na prevenção e como coadjuvante no tratamento de doenças que têm alta inflamação". Algumas das doenças que já apresentam resultados positivos nos estudos são:

– Prevenção de doenças cardíacas

– Prevenção de câncer (e coadjuvante em tratamentos)

– Prevenção de Alzheimer

– Tratamento de artrite

– Proteção contra degeneração do cérebro

Como consumir  

O grande problema é como obter a quantidade ideal de curcumina já que a quantidade da substância do açafrão é baixa, além de ter pouca biodisponibilidade (ela é pouco absorvida pelo corpo) "Mas estudos mostram que, quando consumida junto com a pimenta preta, a biodisponibilidade aumenta até 2000% devido à substância peperina", diz Ana Maria. A nutricionista recomenda incluir uma colher do açafrão ralado (ou em pó, se for de boa qualidade e puro) misturado com uma boa pitada de pimenta preta em sopas, saladas, vegetais cozidos, omeletes etc. Polvilhe por cima no prato na hora de consumir. Também há a possibilidade de mandar fazer a combinação em cápsulas em farmácias de manipulação. "Mas as dosagens são individuais, por isso recomendo falar com seu nutricionista ou médico", diz a nutricionista, que também recomenda a ingestão na forma de shot:

Shot matinal antioxidante

– 1 colher de café de cúrcuma (açafrão da terra) ralada

– 1 colher de café de gengibre ralado

– 1 pitada de pimenta preta

– 50 ml de água

Tome essa combinação todos os dias pela manhã ao acordar. Dê preferência ao gengibre e açafrão frescos, mas, se quiser usar as versões em pó por praticidade, procure um produto 100% puro de boa qualidade. Misture tudo bem com a colher em um copo até dissolver e vire de uma vez (sim, como a gente faz com bebida ruim, pois o gosto não é dos melhores). Saúde!

Golden Milk  

Outra receita famosa que leva cúrcuma é o chamado golden milk (ou leite dourado)

·         1 xícara de leite a sua escolha (leite comum ou de amêndoas ou castanhas)

·         1 col de chá de cúrcuma

·         ½ col chá de canela em pó

·         1 pitada de pimenta preta

·         ¼ col de chá de gengibre em pó

·         1 col de chá de mel para adoçar

Bata todos os ingredientes no liquidificador. Leve ao fogo numa panela com fogo médio para esquentar, sem deixar ferver. Beba imediatamente. É uma delícia nos dias frios!

Sobre Autora

Silvia Ruiz é jornalista e trabalha com comunicação digital e PR. Durante mais de 15 anos atuou na cobertura de saúde, bem-estar e estilo de vida. É apaixonada por alimentação natural, meditação e práticas holísticas. Mãe do Tom, do Gabriel e da Myra, tem bem mais de 40 anos e está tentando aprender a viver bem na própria pele em qualquer idade.

Sobre o blog

O que é envelhecer hoje? Este é um espaço com informações para a geração que tem mais de 40 e não abre mão de viver uma vida plena e, principalmente, saudável, independentemente da idade. Aqui não falamos em “anti-aging”, e, sim, em “healthy aging”. Dicas de alimentação, beleza, atividade física, carreira e estilo de vida para quem busca ser “ageless”.